Mulheres da ilha do Sal vão ser capacitadas para cuidar de idosos e pessoas com deficiência

26 de janeiro de 2021

A+ A-

A iniciativa é do ICIEG e faz parte de um projeto de âmbito nacional financiado pela cooperação espanhola. O objetivo final do projeto é dar às mulheres um emprego digno.


Às mulheres, o ICIEG - Instituto Cabo-verdiano da Igualdade e Equidade de Género, quer ajudar a ter um emprego digno e um rendimento próprio. Antes disso, comenta a Coordenadora do Projeto Evandra Moreira, é preciso que sejam empoderadas para exercerem com precisão o seu papel. Daí a formação na área de cuidados a idosos e deficientes, no Sal.

No Sal, o empoderamento das mulheres da área de cuidados é feito com olhos postos na montagem de lares para acolhimento de idosos e deficientes e na criação de um pequeno negócio para atendimento ao domicílio. Para além disso, garante Evandra Moreira, o ICIEG faz o acompanhamento das formandas sem emprego até que estejam integradas no mercado de trabalho.

Este projeto de empoderamento das mulheres e criação de emprego digno vai, segundo Evandra Moreira, abranger outros municípios do país, logo depois do Sal onde a formação decorre no período da tarde de hoje.

E assim sucessivamente, o projeto "contribuindo para o acesso e criação de emprego digno para as mulheres em Cabo Verde” é financiado pela cooperação espanhola.


Disponibilizado online - Multimédia RTC

Peça na íntegra, pela jornalista Hermen Alfredo - RCV


Artigos Relacionados