Burla em nome da Primeira-dama com perfil falso

23 de fevereiro de 2021

Lígia Fonseca, Primeira-dama de Cabo Verde
A+ A-

2 mess atrás
16:53

 

Criminosos estão a utilizar perfis falsos em nome da Primeira-dama e em nome próprio de Lígia Fonseca para extorquir dinheiro às pessoas.


Estas páginas são actualizadas com frequência, utilizando informações e imagens recolhidas do perfil oficial da Presidência da República para conferir credibilidade ao seu contacto, conseguindo, assim, convencer muita gente.

A Primeira-dama, Lígia Fonseca, diz ter sido já contactada por pessoas em Portugal, Holanda e Estados Unidos da América a pedir confirmação dos contactos.

Em Cabo Verde, há quem já tenha pago entre 400 a 650 dólares aos fraudulentos, que dizem ser valores referentes a transporte e direitos aduaneiros dos bens a receber.

A denúncia formal já foi feita à Polícia Judiciária, já que não é a primeira vez que acontece.

Lígia Fonseca alerta os cidadãos a estarem atentos a este tipo de crimes via o Facebook.

A RTC sabe que há a circular perfis falsos de outras figuras públicas no Facebook, mas ainda não há confirmação da Polícia Judiciária sobre o número de denúncias recebidas deste crime de roubo de identidade para burlar.


RTC Multimédia
Disponibilização online (Estagiária - com supervisão)


hr