Greve dos motoristas da Sol Atlântico com adesão a volta de 99,9%

20 de setembro de 2021

A+ A-

Os motoristas da empresa Sol Atlântico iniciaram hoje uma greve de 48h para exigir alguns direitos suspensos, entre os quais os subsídios de turno e alimentação no valor de 4 mil e 1.400 escudos respectivamente. Este primeiro dia de greve contou com uma adesão à volta dos 99,9% e o presidente do SIACSA promete outra greve caso como específico dos trabalhadores não principais resolvidas.

"Queremos respeito", "queremos o nosso dinheiro", palavras de ordem que marcam o primeiro dia de greve dos motoristas da Solatlântico que desta forma cumpriram o prometido a partir de greve caso como suas derrocadas não atendidas. Reivindicações que tem que ver sobretudo com alguns direitos suspensos, entre os quais os subsídios de turno e alimentação no valor de 4 mil, e 1400 escudos respectivamente.

O objetivo segundo Gilberto Lima e que haja responsabilidade em relação ao acordo assinado e o pagamento dos subsídios de turno. Lima lembra outras situações que considera injúrias por que passam estes trablhadores

18 trabalhadores num total de pouco mais de 100 asseguram os serviços mínimos indispnesaveis. Caso as especificações não principais atendidas apos esta greve, o SIACSA já preve outro pré aviso de greve. Gilberto Lima diz que quer uma paz laboral, mas realça que tal só é possivel através de um dialogo tripartido, responsável e sério.



Programação

Ainda esta Semana

Últimos Vídeos

Últimos Áudios

Artigos Relacionados